fbpx

Mudei / vou mudar para Portugal, e agora?

Publicado por Rafael de Barros Marinho em

woman in brown coat sitting beside boy in blue and white plaid dress shirt
Photo by MART PRODUCTION on Pexels.com

E fato é que cada vez mais pessoas têm vontade de se mudar e tentar uma nova vida em um lugar tão bom. Por conta disso, separei aqui os passos para começar a viver em Portugal que qualquer um deve tomar.

Portanto, se você já está “oficialmente” se mudando para Portugal ou está apenas pensando em dar o primeiro passo para essa mudança, essa lista deve te ajudar a organizar sua vida nas terras lusitanas.

Esses 10 passos para você começar a sua vida em Portugal são:

  1. Entenda os tipos de visto para morar em Portugal
  2. Saiba mais sobre a cidade que vai viver em Portugal
  3. Tire o PB4 para morar em Portugal
  4. Tire o NIF (Número de identificação Fiscal) em Portugal
  5. Agende sua visita no SEF em Portugal
  6. Cadastre-se no sistema de saúde em Portugal
  7. Conheça sua região
  8. Valide sua CNH em Portugal
  9. Procure um emprego em Portugal
  10. Comece sua vida em Portugal

1 – Entenda os tipos de visto para morar em Portugal

statue on roof under white and blue sky
Photo by Pixabay on Pexels.com

O primeiro passo para começar a viver em Portugal é saber o que você vai fazer por lá. Cada atividade exige um tipo de visto diferente, sendo os mais comuns:

  • Visto de estudante
  • Visto de trabalho
  • Visto de empreendedor (visto StartUP Visa ou visto D2) 
  • Visto de rendas próprias
  • Visto de investimento (Golden Visa)
  • Tech Visa

Recomendo fortemente que você pesquise tudo sobre o visto que pretende tirar para não ter nenhum problema quando fizer sua mudança para Portugal. Se você quiser estudar em Portugal, por exemplo, é importante saber quais são os documentos que você tem que levar consigo, além de qualquer outra exigência que possa existir. Dessa forma você consegue se manter no país legalmente e sem nenhum problema.

Obviamente que se você possui uma Cidadania Portuguesa (Nacionalidade) ou uma Cidadania Italiana, você não necessita de nenhum visto para morar, estudar, trabalhar ou empreender na Europa.

2 – Saiba mais sobre a cidade que vai viver em Portugal

cozy sofa and table with chairs in contemporary living room
Photo by Max Vakhtbovych on Pexels.com

Uma vez que você já sabe que vai se mudar para Portugal para estudar, trabalhar ou realizar qualquer outro tipo de atividade, é hora de conhecer bem a região para a qual pretende se mudar.

Apesar de ser um país pequeno, Portugal possui regiões bem diferentes. Na prática isso significa que em algumas cidades é mais fácil encontrar empregos, como em Lisboa ou Porto. No entanto, essas duas cidades possuem um custo de vida mais elevado. Existem também cidades em que a oferta de emprego é menor, porém, o custo de vida também costuma cair.

Vale apena analisar quais são seus objetivos, e de sua família.

Veja também: As profissões mais bem pagas de Portugal

É tudo uma questão de conhecer a cidade para onde você vai. Ou para onde prefere ir, caso você possa escolher. Quando você pesquisa tudo sobre a região, já chega em Portugal com consciência de quanto irá gastar com transporte público, aluguel e outros custos de vida, além de também já saber qual é o salário médio daquela região.

Aqui estão algumas das Cidades Portuguesas onde você pode querer ir morar em:

  • Lisboa
  • Porto
  • Braga
  • Coimbra
  • Aveiro
  • Guimarães
  • Faro
  • Évora
  • Lagos
  • Fátima (Onde fica o famoso Santuário de Fátima)

3 – Tire o PB4 para morar em Portugal

person getting his blood check
Photo by Pranidchakan Boonrom on Pexels.com

Fizemos um Post explicando o que é e como funciona o PB4 Confira: PB4 o que é, como funciona e como solicitar gratuitamente

Ainda antes de embarcar para Portugal, existe um documento muito importante que precisa ser emitido no Brasil.

Ele é o PB4, que é basicamente fruto de uma parceria entre diversos países do mundo, incluindo Brasil e Portugal. A saúde pública é paga, mas quando você é registrado, tudo sai muito mais barato.

Para tirar o PB4 é necessário ir até o escritório do Ministério da Saúde da sua cidade ou o mais próximo de onde você mora. Confira aqui a lista de documentos para emitir o PB4

O tempo para que ele fique pronto varia de acordo com a demanda que tende a ser mais alta em fins de semestres. Porém, com esse documento em mãos, você terá atendimento de saúde garantido em Portugal. Portanto, não deixe de fazer o PB4 antes da sua mudança a Portugal!

4 – Tire o NIF (Número de Identificação Fiscal) em Portugal

Assim que você chegar em Portugal, um dos documentos mais importantes para que você possa resolver qualquer questão burocrática no país é o NIF. Ele é o equivalente ao CPF brasileiro e é exigido para que você possa fazer compras de diversos tipos, além de poder tirar outros documentos.

Para tirar o NIF você deve ir até o Serviço de Finanças da cidade em que vai morar. O processo é bastante simples, porém, você precisa de um representante fiscal, que deve ser uma pessoa que tenha residência permanente em Portugal e que se declare responsável financeiramente por você.

Muitos brasileiros quando ouvem essa informação ficam assustados, mas não é preciso. Mas quando você vai alugar uma casa, por exemplo, é comum que o locatário se declare seu representante para que você possa assinar o contrato de aluguel.

No caso de estudantes é mais fácil ainda, já que a própria instituição de ensino pode oferecer um documento para ficar como seu representante fiscal. Além disso, atualmente é possivel pedir o NIF em Portugal online

5 – Agende sua visita no SEF em Portugal

man holiday sunglasses vacation
Photo by Nataliya Vaitkevich on Pexels.com

Qualquer brasileiro que tenha um visto para morar em Portugal precisa agendar uma visita ao SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras) para conseguir ter a autorização de residência (AR). Essa visita muitas vezes é marcada já do Brasil, mas existem casos em que você só pode fazê-la quando já estiver em Portugal.

Para concluir o processo e começar a viver em Portugal, é necessário levar uma série de documentos ao SEF, sendo os principais:

  • Passaporte
  • NIF
  • Comprovativo de residência
  • Comprovativo de meios de subsistência (basicamente para provar que você tem recursos financeiros para se sustentar em Portugal)

Vale ressaltar que, dependendo da região de Portugal em que você mora, a sua visita ao SEF pode demorar. Mas não se preocupe se o prazo for muito longo. Uma vez que sua visita está agendada, você não está ilegal no país.

Você pode agendar a sua visita e achar mais informações aqui

6 – Cadastre-se no sistema de saúde em Portugal

clever african american student displaying chemical formula on magnetic whiteboard
Photo by RF._.studio on Pexels.com

Com o PB4 em mãos, você deve ir ao centro de saúde mais próximo da sua residência para se cadastrar. É um processo bem simples e que não costuma demorar muito. A partir disso, você poderá marcar consultas, ter um médico da família, fazer exames, entre outras coisas.

Como eu já falei anteriormente, o sistema de saúde em Portugal é público, mas isso não quer dizer que é gratuito. A boa notícia é que os valores são baixos, sendo normalmente menos de 5€ por consulta. A compra de remédios também é afetada quando você é cadastrado no sistema de saúde, já que 90% do valor é subsidiado pelo governo, quando você tem a receita, é claro.

Caso você não tenha o PB4 por algum motivo, existem também os planos de saúde privados, que cobram uma taxa mensal e subsidiam parte das suas consultas, exames e remédios. Porém, com eles você acaba gastando mais. Então porque não aproveitar o acordo Brasil-Portugal e utilizar o PB4?

Clique aqui para saber mais como tirar o PB4 no Brasil. 

7 – Conheça sua região

photo of train in railroad
Photo by Nextvoyage on Pexels.com

Uma vez que você já estiver com a documentação encaminhada, é necessário seguir outros passos para começar a viver em Portugal. E uma delas é conhecer a região onde vai morar. Onde ficam os supermercados, as farmácias, as padarias, os pontos de ônibus, a estação de trem da cidade, etc.

Conhecer seu bairro e como funciona a cidade como um todo é extremamente importante para que você não tenha um choque cultural tão grande. Portanto, não deixe de dar esse importante passo.

8 – Valide sua CNH em Portugal

photo of person driving
Photo by Peter Fazekas on Pexels.com

Esse não é um passo obrigatório, mas muito importante para quem quer dirigir em Portugal. Para fazer isso, basta validar sua CNH (Carteira Nacional de Habilitação) no novo país. Você deve agendar no consulado brasileiro para solicitar um documento chamado Declaração de Autenticidade e Validade da CNH. Lá você deve pagar uma taxa de 16,50€.

Com esse documento em mãos, você deve se dirigir ao IMT (Instituto de Mobilidade e Transporte) da sua cidade e apresentar os seguintes documentos:

  • CNH válida
  • Declaração de Autenticidade e Validade da CNH
  • Cartão de residência, título ou autorização de residência válido
  • Atestado de aptidão física (você pode fazê-la pelo médico da família ou pelo médico da autoescola)
  • NIF

Por sinal, se no começo da sua vida em Portugal você não tiver um carro próprio e precisar alugar um, você não encontrará dificuldades.

9 – Procure um emprego em Portugal

euro
Viele Euro Geldscheine

Portugal tem um dos salários mais baixos da Europa, mas também possui um dos custos de vida mais baixos, o que acaba compensando. A oferta de emprego pode variar muito de acordo com a região onde você mora e com a sua área de atuação.

Assim como no Brasil, existem muitos sites onde você pode buscar emprego, mas em Portugal não é incomum você deixar seu currículo presencialmente nas empresas e conversas sobre as vagas que eles oferecem. Com o tempo, você com certeza irá encontrar algo que o agrade.

Essa é uma lista dos melhores sites para achar buscar empregos em Portugal:

http://emprego.sapo.pt/emprego/ofertas.htm/pais/portugal

https://pt.jooble.org/

http://www.net-empregos.com/

https://www.indeed.pt/Ofertas-em-Portugal

https://www.olx.pt/emprego/

10 – Comece sua vida em Portugal

ancient architecture blue sky bridge
Photo by Pixabay on Pexels.com

Após seguir todos esses passos para começar a viver em Portugal, você já estará pronto para começar sua vida de fato por lá. O último passo, então, é aproveitar ao máximo essa oportunidade.

Explore o país, conheça as principais cidades, faça amizades com locais e com estrangeiros, frequente as atrações turísticas, conheça as curiosidades sobre Portugal e o que locais fazem, descubra quais são os melhores bares e restaurantes da sua região e, finalmente, faça de tudo para se sentir em casa. Esse é um passo muito importante se integre a vida portuguesa para que você realmente se sinta como se pertencesse a Portugal.


Rafael de Barros Marinho

Mestre em Ciência da Informação pela UFBA, Bacharel em Biblioteconomia e Documentação pela UFBA, Tecnólogo em Sistemas Para Internet pela Unifacs. Especializado em documentação para processos de reconhecimento de cidadania italiana e portuguesa. Indexador do Family Search [email protected]

0 comentário

Deixe uma resposta

Consultoria Online Personalizada

X
Este site usa cookies para melhorar sua experiência enquanto você navega pelo site.
Abrir chat
1
Fale Conosco. Estamos Online
Olá Brasil!, Ciao Itália! Eu sou a Giulia!
A Consultora Virtual da Barros & Oliveira.
Como posso te ajudar hoje?